Indicadores Brasileiros para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Virada ODS, em São Paulo, contribui para popularizar a Agenda 2030

A cidade de São Paulo sediou, de 8 a 10 de julho, a Virada ODS, grande evento de popularização dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Com eventos espalhados em 10 pontos da cidade, os participantes puderam aprender mais sobre a Agenda 2030 e se engajar em seis diferentes eixos temáticos: comunicação, inovação e tecnologia, desenvolvimento econômico, justiça, educação e cultura.

A Virada ODS foi realizada pela Prefeitura de São Paulo, com apoio da Organização das Nações Unidas e participação de diversas agências especializadas, fundos e programas da ONU.

Durante a abertura do evento, no Parque do Ibirapuera, a coordenadora residente da ONU no Brasil, Silvia Rucks, lembrou que a Agenda 2030 pretende melhorar a vida de cada pessoa no planeta, sem deixar ninguém para trás. “Para que isso seja possível, o desenvolvimento sustentável não deve ser encarado como uma noção abstrata. Pelo contrário, deve fazer parte do nosso dia a dia, nas suas dimensões social, econômica e ambiental, de forma integrada”, afirmou.

“Essa é a primeira Virada ODS aqui na cidade. Temos muito que aprender, mas também, muito a compartilhar. Coisas positivas que desenvolvemos aqui e que, num evento desse tamanho, a gente vai reverberar para outros municípios do Estado, do Brasil e do mundo inteiro”, destacou o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes.

Os participantes do evento, inclusive estudantes de escolas públicas, puderam conversar sobre temas como mudanças climáticas, cidades do futuro, saúde pós-covid, igualdade de gênero, combate ao racismo, combate à fome e à pobreza e paz e justiça para todas as pessoas.

Além da extensa programação educativa e cultural, durante a Virada ODS ocorreu o 1º Fórum de Desenvolvimento Sustentável das Cidades, que reuniu gestores públicos, acadêmicos, organizações da sociedade civil e do setor privado para debater avanços e desafios das cidades no cumprimento da Agenda 2030. O Fórum contou com a abertura de Ban Ki-Moon, ex-secretário-geral das Nações Unidas.

Saiba como foi a participação da ONU Mulheres e da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) na Virada ODS.

Da ONU Brasil (12/07/22)