Indicadores Brasileiros para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Especialistas do IAEG revisam classificação de indicadores

imagem

 

O Grupo Interagencial e de Peritos sobre os Indicadores dos ODS (IAEG-SDGs, em inglês) revisou a classificação de 15 indicadores durante sua oitava reunião, realizada em Estocolmo, na Suécia, entre 5 e 8 de novembro. A nova categorização foi aplicada para 13 indicadores que tiveram suas metodologias desenvolvidas pelas Agências da ONU (reclassificados de Tier III para Tier II), enquanto outros dois passaram de Tier I para Tier II, por não haver dados para todas as regiões do mundo, apesar de possuírem metodologia definida . 

Além dessa decisão, durante o encontro foram apresentadas experiências de diversos países e de agências da ONU no âmbito dos ODS, que podem ser acessadas aqui. Foi discutido também o documento Guia de Fluxo de Dados e Reporting de Dados, que aborda a função dos estados membros, dos institutos nacionais de estatística e das agências de custódia da ONU no fluxo de dados para os indicadores.

A coordenadora geral dos ODS no IBGE, Denise Kronemberger, esteve na reunião e contou o que o grupo de especialistas planeja para os próximos anos, a fim de atender aos compromissos da Agenda 2030: “já no ano que vem será realizada a grande revisão do quadro de indicadores globais, para apresentação na Comissão de Estatística da ONU em 2020. Nesta revisão, indicadores poderão ser eliminados, substituições poderão ocorrer, revisões, refinamentos, e serão considerados os 37 indicadores adicionais propostos pelo IAEG”. 

O IAEG-SDGs é responsável por elaborar o quadro de indicadores globais para cada meta dos ODS, e é composto por 27 representantes de escritórios nacionais de estatísticas de países de todos os continentes. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) representa o Brasil, os países do Mercosul e o Chile nesse grupo de especialistas. 

A próxima reunião está prevista para o primeiro semestre de 2019, em local ainda a ser definido.

Veja os indicadores reclassificados durante a 8ª reunião do IAEG
De Tier III para Tier II
2.4.1, 3.b.3, 4.1.1, 10.2.1, 10.7.1, 10.7.2, 11.3 2, 11.7.1, 12.3.1, 14.3.1, 15.7.1, 16.4.2 e 17.13.1.

De Tier I para Tier II
5.b.1 e 11.5.2